GitHub | Confira o Que é | Como Usar | Funções e Recursos

O que é o GitHub?

Antes de entender o que é o GitHub, é preciso falar sobre o Git, uma plataforma criada para gestão de versões de projetos.

Ou seja, o software Git armazena edições anteriores dos arquivos enquanto os programadores estão trabalhando nos ajustes. 

Assim, caso haja algum erro ou bug, é possível voltar à versão anterior e recomeçar daquele ponto.

O GitHub funciona da mesma forma, porém hospedando códigos para desenvolvimento de softwares, tornando possível que os desenvolvedores trabalhem ao mesmo tempo no arquivo, de qualquer lugar do mundo.

 

Qual a função do GitHub?

Considerado a “rede social” dos desenvolvedores, e uma das maiores plataformas de trabalho colaborativo, o GitHub foi criado em 2008 e utilizado atualmente por mais de 30 milhões de usuários.

A função do GitHub é armazenar projetos de código aberto, ou seja, que podem ser editados por outros programadores em um trabalho coletivo.

 Além disso, o GitHub garante correções, atualizações e melhorias em novas versões, sendo possível acessar as anteriores e ver quais edições foram feitas, quando e por qual usuário.

Precisando trocar de internet? Compare planos banda larga abaixo!

</amp-ifram

Como usar o GitHub?

Para usar o GitHub, primeiramente, é preciso criar uma conta gratuita na plataforma, no site oficial e depois baixar e instalar o software do GitHub em seu dispositivo.

Depois, você pode definir seu nome de usuário, pois ele será exibido sempre que você realizar qualquer alteração em um projeto. 

Para isso, você deve digitar na linha de comando do GitHub o seguinte código:

  • $ git config –global user.name “Nome”

 

E em seguida informar seu e-mail com o comando:

  • $ git config –global user.email “e-mail@exemplo.com”

 

Em seguida, você deverá criar um repositório para o seu primeiro projeto, para isso, é preciso informar em qual pasta você deseja criar esse projeto, utilizando o comando $ cd c:/Pasta do projeto e por fim o comando $ git init deverá criar o repositório no local selecionado.

Quem usa GitHub?

O GitHub é muito utilizado por desenvolvedores de software, programadores ou outros profissionais que trabalham com a atualização constante de código-fonte para melhorias ou correções de bug, por exemplo.

Mas a plataforma também pode ser usada por qualquer time que queira ter uma visão detalhada da evolução de um projeto. 

O GitHub apresenta informações de cada versão/fase, comentários e edições dos colaboradores, onde quer que estejam, sendo necessário apenas uma boa conexão de internet, como, por exemplo, uma Internet Fibra ótica, e uma conta gratuita na plataforma.

O que é para que serve o Git?

O Git é uma plataforma para gestão de versões de projetos. 

Por meio dela, o repositório de um projeto é armazenado, ou seja, enquanto os colaboradores trabalham em tempo real nos ajustes e melhorias daquele projeto, a plataforma salva todas as versões anteriores.

Assim, caso haja algum erro, bug ou mesmo incompatibilidade, é possível voltar o projeto para outro ponto anterior, ou mesmo checar o que foi feito para chegar no ponto atual, qual o caminho que levou até ali.

 

Qual a diferença entre o Git e o GitHub?

O Git é um software de controle de versões que permite armazenar as diferentes fases de um projeto para resgate, se necessário.

Já o GitHub é uma plataforma disponível na internet que permite o trabalho colaborativo de pessoas de todo o mundo, com recursos para equipes, empresas e uma rede social para troca de ideias entre os colaboradores.

Quais são os recursos do GitHub?

O GitHub possui diversas funcionalidades, tanto para uso individual, quanto de equipes e grandes empresas. 

Além dos recursos nativos da plataforma web, também é possível conectar com aplicativos de terceiros para ter acesso a mais opções.

Veja abaixo alguns dos principais recursos do GitHub:

  • Issues

 

Issues significa ‘Problemas’ em inglês e essa função é justamente sobre isso. Com ela é possível identificar um bug ou outro problema no repositório do projeto e indicar que há um erro ali, ou até sugerir a solução.

Além disso, essa funcionalidade auxilia na gestão de projetos, indicando quais etapas ainda são necessárias e o que é preciso realizar nessa fase.

  • Pull Request

 

Em inglês significa ‘Submeter Pedido’ e é uma maneira de enviar sugestões e novos detalhes ao repositório, sendo necessário a revisão dos responsáveis pelo projeto antes da implementação.

Além disso, é possível colaborar com os demais usuários da plataforma, utilizando o GitHub como uma rede social, seguindo outras pessoas, curtindo projetos, trocando mensagens e recebendo notificações.

Qual é melhor GitHub ou GitLab?

O GitHub e o GitLab são plataformas muito semelhantes, mas com diferenças em relação às integrações e funcionalidades disponíveis em planos pagos e gratuitos. 

Por exemplo, o teste do código pode ser feito com a versão paga do GitLab, ou pelo GitHub se você fizer a integração com um aplicativo de terceiros.

A melhor plataforma vai variar conforme o perfil do usuário. 

Enquanto, no GitLab é possível criar uma lista de tarefas, descrições e redirecionar para diferentes desenvolvedores do projeto, já no GitHub é possível separar questões e pedidos em projetos específicos, além de rastrear e medir a produtividade do time.

Enquanto as características da plataforma se equilibram, a principal diferença fica no valor, sendo os planos do GitHub bem mais baratos que os do GitLab.

Quer começar a desenvolver seus projetos agora mesmo? Faça o teste de velocidade da sua internet antes de iniciar!

Posts Relacionados

Internet Discada: Esse Serviço Ainda Existe?

Autor: Anne Morais | 19 de março de 2020
Você já deve ter ouvido por aí os mais nostálgicos falando sobre internet discada. Eram horas para baixar um arquivo de 15MB, alguns minutos para…