Você já imaginou ter um celular na mão que não oferece acesso à internet? Ou seja, sem Facebook, sem WhatsApp, sem Instagram ou qualquer outra rede social, e mesmo sem poder acessar qualquer site ou baixar um aplicativo?

Por incrível que pareça, a Samsung, em pleno 2018, resolveu lançar na Coreia do Sul um celular que não oferece acesso à internet, não podendo utilizar a rede Wi-Fi e não levando o usuário para os dados móveis 2G, 3G ou 4G.

Claro que, para fazer esse lançamento, a Samsung apresentou uma explicação, já que parece uma loucura da empresa.

De acordo com as informações da empresa divulgada em sites internacionais, o novo aparelho, denominado Galaxy J2 Pro, é voltado somente para estudantes, para profissionais e para pessoas mais velhas que querem fugir das constantes distrações do mundo moderno.

Ou, melhor dizendo, o novo Galaxy J2 Pro é voltado para quem quer aumentar sua produtividade, uma situação que é preocupante para um país como a Coreia do Sul, onde os computadores passaram a ser desligados pelo próprio governo para fazer com que as pessoas parassem de trabalhar em determinados momentos.

Segundo informações do site Sammobilite, o novo aparelho celular terá apenas funções básicas de um celular, fazendo chamadas, enviando mensagens de texto e possuindo uma câmera para gravação e vídeos e tirar fotos.

O aparelho ainda conta com um dicionário off-line pré-instalado para ajudar estudantes no aprendizado de idiomas, como o inglês, ou para tirar dúvidas sobre palavras em coreano.

O design do aparelho, no entanto, é bastante parecido com outros smartphones da Samsung, contando com uma tela de 5 polegadas, com a qualidade Super Amoled. Essa qualidade também é bastante duvidosa, uma vez que não é possível assistir Netflix ou ver vídeos do YouTube.

O celular ainda vem equipado com um processador de 1,4 Ghz, com quatro núcleos, uma bateria removível de 2.600 mAh, além de 1,5 GB de RAM e 16 GB de armazenamento, com espaço para microSD.

A nota emitida pela Samsung não faz qualquer referência sobre o sistema operacional instalado no aparelho, embora se imagine que seja o Android, como acontece com outros aparelhos da marca.

O dispositivo vai custar o equivalente a US$ 185, ou cerca de R$ 660, sendo oferecido nas cores preta e dourada.

A Samsung também lançou uma promoção direcionada aos estudantes, informando que os alunos que quiserem o aparelho até junho irão receber um reembolso total do valor pago se comprarem um top de linha da família Galaxy S ou Galaxy A depois de terminarem suas provas.

A ideia é válida para quem pretende fazer uma desintoxicação digital, embora se saiba que, aqui no Brasil pelo menos, o aparelho pode nem aparecer. Claro, você usa o seu smartphone para conectar a internet e usar as redes sociais ou visitar sites. Portanto, continue, mas não se esqueça de conferir a velocidade com que está recebendo os dados.